24 de abr de 2017

[Tem na Netflix] O povo contra O.J. Simpson

Certas histórias reais parecem saídas diretamente da ficção. É o caso da queda de O.J. Simpson, considerado um dos melhores jogadores de futebol americano da sua geração e co-estrela da impagável série de filmes Corra Que a Polícia Vem Aí. Mas o que mais marcou sua trajetória foi a acusação ter cometido duplo homicídio, assassinando sua ex-esposa e o namorado dela.

Na metade dos anos 1990, a prisão e o julgamento de O.J. ganharam uma proporção nunca antes vista, monopolizando noticiários e rodas de conversa nos Estados Unidos e sendo notícia até mesmo no Brasil. Em 2016, essa história foi o tema da primeira temporada da série American Crime Story (não confundir com American Crime, que é um show diferente).

A série se destaca pela excelente produção e direção e consegue mostrar os inúmeros pontos de vista do caso sem tomar partido. As atuações são outro forte e o elenco conta com vários nomes de peso, incluindo Cuba Godding Jr. (que está maravilhoso como O.J. Simpson), Sara Paulsen, John Travolta, David Schwimmer e outros, além de participações especiais ilustres, como Penélope Cruz e Jordana Brewster.

Além de ser um interessante retrato de um caso tão conhecido, O povo contra O.J. Simpson também é um ótimo drama de tribunal.

16 comentários:

  1. Olá!
    Eu assisti essa série por estes dias (séries assim completas eu encaro) rsrsrs
    Realmente a atuação de todos os personagens estão de tirar o chapéu.
    Só sei que fiquei muito revoltada com o assédio que a Márcia teve durante o julgamento, os disparates que teve que ouvir inclusive no supermercado afff
    Mas foi interessante acompanhar todo processo e cá entre nós e todos presentes, que o cara era culpado, como a justiça é injusta.
    Sabe um filme que está na minha lista do Netflix? Snowden minha filha disse que é mto bom.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que era culpado, todas as provas estavam contra ele, mas se tem uma coisa que a série mostra bem é como tudo é diferente quando tem uma celebridade envolvida.
      Obrigada pelo comentário!

      Excluir
  2. Cara!!! Como eu ainda não vi no Netflix?????
    Já quero assisti a série!!
    Muito obrigada pela dica.
    bjo

    ResponderExcluir
  3. Vi uma vez essa série na chamada mas não dei muita importância. Lendo seu comentário agora, fiquei curiosa. Vou procurar ver e vê o que acho. Obrigada pela dica.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vale a pena dar uma chance sim, principalmente se você curte histórias de tribunal

      Excluir
  4. Olá, tudo bem??

    Nem sabia desta série rs... e olha que praticamente moro no Netflix, mas a série em si não me chama atenção para assistir... não curto muito esta temática, talvez seja por isso que não tinha visto.Ainda bem que curtiu... Xero!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Acho que eu passo mais tempo na Netflix pesquisando do que assistindo, mas tem muita coisa que eu não conheço rs
      Obrigado pelo comentário!

      Excluir
  5. Olá!

    Eu ainda não assisti, por falta de tempo mesmo, mas pelo que vejo, é uma série muito bem feita mesmo, que traz todos os pontos de vista. Só espero que ele tenha pago pelos crimes...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom, é fácil pesquisar pra descobrir o resultado do julgamento e por onde anda o OJ atualmente

      Excluir
  6. Olá!
    Não curto muito filmes assim, mas acho que é uma história bem importante para conhecermos um pouco mais sobre o que aconteceu e os dramas que as pessoas passam.
    Beijos

    ResponderExcluir
  7. Oie Amore,

    Poucos são os filmes que assisto, normalmente são indicações.
    Mas sendo sincera esse não me chamou nem um pouco a atenção. Passo a dica!

    Beijoka!

    ResponderExcluir
  8. Nossa! Eu não sabia da série e lendo sua postagem desencadeou a vontade de assistir. Achei interessante saber que mostram os pontos de vistas diversos sem a tomada de partido, o que para mim é muito importante.

    Abs
    Tânia
    Faces da Leitura

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bom saber, Tania! Obrigado pelo comentário

      Excluir